SENAI na África
Capacitação Profissional

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) qualifica até maio 232 trabalhadores para a construtora OAS, na Guiné Equatorial, no continente africano. A empresa trabalha na construção de uma rodovia entre a capital Malabo e a cidade de Luba. O treinamento é promovido por técnicos do SENAI da Bahia, nas áreas de operação de equipamentos (escavadeira e caminhão basculante) e construção civil.

O gerente executivo de Relações internacionais do SENAI, Frederico Lamego, avalia que o acordo é resultado da crescente presença do SENAI na África para atender demandas de mão-de-obra. "Esse contrato se soma a outros já existentes com a Petrobras, Vale e Braskem. Com isso, o SENAI está adquirindo uma experiência internacional pra atender as principais empresas brasileiras que estão operando na África e também na América Latina", diz.Esse é o segundo contrato do SENAI na Guiné Equatorial. O primeiro foi com a construtora ARG entre 2012 e 2013. 

Em entrevista ao Portal da Indústria, Lamego fala que esses contratos ampliam a competitividade das empresas.

em 10 de Abril de 2014 

Por Sirlei Pires

Foto Rafael Barreto 

Fonte: Portal da Indústria - Adaptado pelo MovCarga.